sábado, 9 de junho de 2007

Enigma



Enigma
Andréa Motta


Quem é esta sereia
que me habita a cada insônia
e com seu canto lamurioso
desvenda meu avesso?

quem é?

Esta mulher oculta
por longas madeixas
que me despe a pele
me deflora sem pânico

em querer ora cúmplice
ora cético
incendeia -me
viscera por viscera.

transformando-me num grande dilúvio
de desejos e medos.
Quem é?

5 comentários:

Graça Carpes disse...

É você, linda e poderosa!
Bjo
:)

diovvani mendonça disse...

Inseridos estamos num grnde enígma.
AbraçoDasGerais.

lisieux disse...

muito bons... tanto o poema quanto o desenho do Macaiado... rs
Adorei o blog novo e já tá lá nos meus favoritos.
Só num entendi porque tu deixaste a música evangélica... acho que não tem muito a ver com o blog... rs
Bjokas

Ademir Antônio Bacca disse...

andrea,

vim te fazer uma visitinha pra driblar a gripe que não me larga
muito bom este teu cantinho
beijos

In Loko disse...

Sim, quem será esta sereia desarmante e encantada? Muito sensual e bonito Andréa. Beijinhos